6 alimentos que provocam dores de cabeça

Estudos foram analisados por pesquisadores da Universidade de Cincinnati nos Estados Unidos

Publicado em 19/04/2017

A enxaqueca é um problema que afeta muitas pessoas no mundo todo. Segundo a Organização Mundial da Saúde, é a sexta doença mais incapacitante do planeta, portanto é assunto bem sério. E apesar de vários fatores influenciarem, existem diversos estudos que relacionam a dor de cabeça à alimentação.

Pesquisadores da Universidade de Cincinnati, nos Estados Unidos, analisaram mais de 180 estudos sobre o impacto da comida na dor de cabeça e estabeleceram que determinadas pessoas são afetadas por alimentos específicos, dependendo da forma como eles agem em seus organismos. Mas foi comprovado que alguns deles podem iniciar uma crise de enxaqueca, especialmente se consumidos em grande quantidade. Confira todos na lista, divulgada pelo Saúde Abril

Café

Em determinada quantidade, o café pode fazer muito bem à nossa cabeça, mas consumir mais do que 400 miligramas da bebida por dia aumenta o risco de surgir a ansiedade, o que piora a enxaqueca. O recomendado é que sejam ingeridas no máximo três xícaras. Não podemos esquecer que refrigerantes e suplementos alimentares também contêm cafeína e precisam entrar na conta da ingestão diária. 

Realçadores de sabor

Estes são usados como aditivos alimentares, e o mais conhecido é o glutamato monossódico. Estudos ainda estão tentando definir se eles são mesmo os culpados neste caso, já que podem ser encontrados em carnes, queijos e até alguns legumes. Aparentemente, o problema maior está no no aditivo encontrado nos congelados e industrializados. A pesquisa da Universidade de Cincinnati determinou que a absorção da substância aumenta quando está diluída em preparos líquidos.

Embutidos

O nitrito é outro grande causador de dores de cabeça. Ele é usado para preservar a cor rosada de embutidos como salsichas e salames, e dar o sabor defumado ao bacon. Em excesso, é bem prejudicial para quem já sofre de enxaqueca. As crises de dor podem surgir até seis horas após a ingestão.

Álcool

Não precisamos de estudos para saber que ele pode afetar nossa cabeça e nos causar muitas dores, especialmente durante a ressaca. Mas existem bebidas que podem levar à enxaqueca e que nada têm a ver com a bebedeira. O vinho tinto é uma delas, assim como a cerveja e outras bebidas fermentadas. Quando o caso é crônico, é importante cortar o consumo. Para evitar o desconforto quando a dor é ocasional, a dica é comer antes e beber água enquanto estiver ingerindo álcool.

Chocolate

O cacau contém teobromina, substância estimulante e vasodilatadora que deixa as pessoas já sensíveis mais suscetíveis à dor - também encontrada no vinho tinto. O chocolate branco até possui a molécula, mas em quantidade menor. Estudos ainda tentam definir uma outra associação curiosa com esse caso, que é a vontade incontrolável de consumir o doce. O desejo intenso por ele causa alterações de humor e afeta o hipotálamo, diminuindo o nível de alguns neurotransmissores.

Queijos

Todos os queijos possuem substâncias que podem trazer a dor, como proteínas grandes demais para serem digeridas e potencialmente alergênicas. Em algumas pessoas, as proteínas são confundidas com agentes agressores e atacadas pelo sistema de defesa do corpo, trazendo o desconforto. O organismo parece reagir com mais ataques contra as versões mais gordurosas do alimento, como o gorgonzola e o parmesão.

Foto: Divulgação